Answer Questions

Labels

Destino - Ally Condie - Ed. Suma de Letras







 Editora: Suma de Letras
 Autor: Ally Condie
 Ano: 2010
Número de Páginas: 240








“Não digo nada. Não faço perguntas. Me afasto. É assim que eu sou. Mas não é isso o que o Vovô achou que você poderia ser. O pensamento vem á minha cabeça como uma olhada casual, como um piscar de luzes ao meu lado. Ky.” – Página 62

A sociedade escolhe tudo por você, onde morar, o que comer, onde trabalhar, como você se diverte com quem casar e quando morrer. Depois de um problema com um chip de identificação de seu par Cassia começa a se perguntar. Será que as escolhas que a sociedade faz são as melhores?

O livro tem uma história muito parecida com “Feios” Que todo mundo sabe, eu amo!, a grande diferença é que em “Feios” as pessoas querem a transformação e não sabem como isso afeta na suas vidas. Já em Destino, as pessoas sabem ou acham que sabem que as escolhas que a sociedade faz são as melhores. Deixe me explicar melhor, por um método de combinação e de probabilidade a sociedade escolhe tudo pra você. TUDO. Um verdadeiro pé no saco, não?

Cassia acaba tendo um problema com a identificação de seu chip de par, primeiro aparece o rosto de Xander e depois o de Ky. Ou seja, um erro, e a sociedade nunca erra. Cassie fica encantada com o carinhoso Xander que chega a se arriscar para protegê-la e agitada perto de Ky, pois acaba descobrindo que ele nunca vai ter a chance de ser um par, pois ele é considerado uma aberração, injustamente pois teoricamente está pagando pelos erros dos pais.

O livro é um tanto parado, a narrativa chega a ficar cansativa em alguns pontos. Mas culpo oo BookTrailer pois ele vende um emoção e ação, e quando comecei o livro, fiquei cadê? Cadê? E a emoção não chegava.

O livro dá uma engrenada boa no começo do final. E eu sei usar as palavras super bem...Começo/final! Aí sim as coisas começam a ficar interessantes. Com Cassie dividida entre Xander e Ky, e explorando os limites da sociedade. Talvez se não tivesse tanta lenga no meio do livro para chegar onde tinha que chegar, eu gostasse mais.

O que mais me irritou na sociedade é o fato das pessoas terem as coisas limitadas pelo excesso de informação. Por exemplo, só existem 100 músicas, 100 poemas e 100 vídeos. Agora pense bem, eu que sou eu não saberia escolher minhas 100 músicas preferidas, nem meus 100 livros favoritos. Agora imaginem ter de ouvir e ler somente aquilo que a sociedade escolheu ser melhor. UM PORRE.

Bom, eu indico o livro, mas aviso que vai ser necessário um pouco de calma no começo e não vá com muita sede ao pote. Com certeza vou ler a continuação, pois as coisas prometem. E vou confessar que até agora não me decidi entre Xander e Ky. OH dúvida cruel. Vou dividir mais dois trechos com vocês, para vocês entenderem porque não me decidi ainda.

“Se eu precisasse de mais alguma confirmação de que a Sociedade sabe o que está fazendo, de que este é meu Par, o gosto do beijo de Xander teria me convencido. Parece perfeito, mais doce do que eu esperava.” – Página 98

“- Cassia – ele diz mais uma vez, suavemente, tão perto que os lábios dele se encontram com os meus, finalmente. Finalmente.
Acho que ele queria me dizer mais alguma coisa, mas quando nossos lábios se encontram não há mais necessidade, uma vez na vida, de qualquer palavra.” – Página 206


Comentando aqui, você tem direito a uma entrada extra para a promoção 400 seguidores!
http://migre.me/4lzgU

Psiu!
Silênio Que Eu To Lendo! 


Posts Relacionados

 
COPYRIGHT © NOVEMBRO 2014 Silêncio Que Eu To Lendo...
LAYOUT DESENVOLVIDO POR JÉSSICA GUEDES | ILUSTRAÇÕES POR JULIANA RABELO.