Answer Questions

Labels

Lulital, a Magia Começa - Pri Beletato
Ed. Dracaena








Editora: Dracaena
Autor: Pri Beletato
Ano: 2011
Número de Páginas: 152
Skoob






“Eu estava muito próxima e cair dentro do Lago da Perdição, eu já podia sentir a intensidade do calor logo abaixo. Ouvi um deslizar de terras e quando parei de olhar par a lava e voltei meu olhar em direção à rais que me mantinha viva, percebi que ela começava a ceder. Mais um pouco de pedregulhos caiu e a raiz se soltou.” – Página 114

Alguns dias antes de Cindy fazer aniversário, um passeio inocente revela-se uma aventura por um mundo completamente diferente.  Em um reino de fadas e magia, descobre que a verdade vai muito além do que a explicação que a policia deu a sua família para o sumiço de sua mãe.

Lulital é um reino mágico onde uma rainha má está tomando controle sobre tudo e todos. E em um aventura com seus amigos Cindy se torna a única esperança do reino.

Lulital é bem fininho o que torna a leitura rápida. Mas a leitura também é rápida por um outro motivo, em minha opinião a narrativa é fraca, a história tem itens muito bacanas, mas pouco desenvolvidos. Existem momentos em que o livro tem tudo para ter um pico de emoções, mas a narrativa simplifica tudo com apenas algumas palavras, o que faz com o que o livro perca muito corpo.

Cindy, é irritante e muito imatura em alguns momentos e quando se relaciona com Lucas, um dos amigos que vão com ela na missão de salvar o reino de Lulital, são as cenas mais decepcionantes para mim. Em alguns momentos, a escritora poderia ter aproveitado, ter me feito suspirar com o amor que nasce e cresce durante as cenas, para mim foi uma leitura frustante.

É um livro iniciante, e com continuação, então espero que possa ver um amadurecimento de escrita, pois a ideia do livro é instigante e uma narrativa mais profunda soluciona o caso na minha humilde opinião.

Classificação: 3/5









Posts Relacionados

 
COPYRIGHT © NOVEMBRO 2014 Silêncio Que Eu To Lendo...
LAYOUT DESENVOLVIDO POR JÉSSICA GUEDES | ILUSTRAÇÕES POR JULIANA RABELO.