Answer Questions

Labels

Eu Acho Que... # 5
Injustiça você mesmo comete!


Eu Acho Que... É a coluna aleatória do Silêncio Que Eu To Lendo onde você encontra a OPINIÃO da Clícia sobre alguma coisa ou qualquer coisa. Prontos para saber o que eu acho? 


Ler é mais que lazer para mim. Eu leio e meu mundo vai se transformando, eu começo a ver pontos alternativos para solucionar alguns problemas, e cada vez mais vou misturando minha vida real a minha imaginação. Mas tudo tem os dois lados da moeda.


Ela fechou os olhos e suspirou, sim ainda acreditava no amor. Abriu os olhos e continuou a ler aquelas páginas amarelas com letras miúdas, e a cada palavra teve a certeza de que aquele era o seu príncipe encantado. Devorou cada pedacinho da história, saboreou cada palavra doce que o príncipe disse e então quando o livro acabou, chorou! Mas não um choro de emoção, mas um choro de desespero, precisava daquele sentimento para si, queria um homem como aquele, de capa, cavalo branco e que viesse despertá-la para a vida.

A campainha tocou, ela não foi atender. Era o vizinho, querendo entregar um conta que por acaso da vida foi entregue errado na casa dele.

A garota se sentou na frente da janela e dia após dia viu a vida passar. As coisas aconteceram, as pessoas fora felizes, se realizaram e ela não, pois continuou na frete na janela com o livro em mãos, na certeza de que seu príncipe estava em algum lugar!

E estava! Na casa ao lado, o vizinho muitas vezes tocou a campainha, tentou chamar sua atenção, mas ela não saiu de frente da janela. Ele seguiu, correu atrás, arrumou uma princesa para seu reinado, fez sua felicidade ser possível.

Quando envelheceu, ela olhou para trás e viu uma vida cheia de nada, se revoltou e chorou, mas não fez nada! Afinal de contas a vida é mesmo injusta!

A vida é injusta ou você é injusto com você mesmo?

Ando ouvindo umas histórias muito estranhas! Não! Eu não ouço gente morta! Gente que está deixando de viver e vivendo pelos livros. Como assim? 

A vida está aqui e AGORA! Não tem coisa melhor do que sair e deixar o vento bater na cara. De abrir a porta de casa e sair a procura do seu príncipe encantado! Até porque não tem nada melhor do que enquanto o dito cujo não chega, sair por aí experimentando, né? E quando ele chegar não vai ter livro capaz de descrever o friozinho na barriga, o sorriso de alegria que você vai dar.

Não pare de ler, mas leia por curiosidade! Chega de ler para se anular, para fugir do mundo. Quando você fechar o livro seus problemas ainda vão existir. E você precisa aprender a levantar a cara e ir para a luta. 

Arregaça as mangas e mãos a obra, porque a vida não está na frente de um livro, ou de um computador. E sim no louco dia-a-dia, que vai machucar, vai decepcionar, mas o seu final ao seu jeito vai ser feliz. Confie em você mesmo! 





Posts Relacionados

 
COPYRIGHT © NOVEMBRO 2014 Silêncio Que Eu To Lendo...
LAYOUT DESENVOLVIDO POR JÉSSICA GUEDES | ILUSTRAÇÕES POR JULIANA RABELO.