Answer Questions

Labels

Nerdices... Bates Motel



Aqui no Nerdices, você encontra um pouco de tudo... De A a Z, seja bem vindo ao nosso mundo! Bem vindos ao espaço do Gabriel!

Olá, como você está minha cara leitora? Eu sou Gabriel Mazaro, e volto aqui para vocês com uma temática um pouco alternativa aqui para o blog. Agora não falarei apenas de livros, mas também darei dicas de filmes, séries e músicas. Não sei ainda se farei um combo de um pouco de cada ou se falarei sempre de um a cada vez que escrever, deixem sua opinião aqui nos comentários, que pode ter certeza que irei ler e responder. Ok?

Hoje então falarei da minha primeira série blockbuster, que ainda assim, não chega a ser tão blockbuster, estrelada pelo que antes pequeno ator, que já trabalhou com Depp por duas vezes, uma em "Em Busca da Terra do Nunca" e outra onde ele teve seu reconhecimento maior no filme totalmente comestível, "A Fantástica Fabrica de Chocolate". Falo de Freddie Highmore, que nesta série se chama Norman Bates, onde começa uma nova aventura vivendo em um hotel, homônimo da série, Bates Motel.


Não vou dar spoilers, porque já que a série é recente, ainda há tempo de vê-la na tv, aqui no Brasil sendo transmitida pelo canal da Universal. Também vou tentar mostrar minhas opiniões de acordo com cada aspecto da série.

A Série: A série é um prelúdio do que foi o filme Psicose de Hitchcock. O que é claro, é uma adaptação de muita coisa, o que no meu caso não caberia comparar o filme com uma série que tem como objetivo mostrar como foi a vida de Norman Bates em sua adolescência, a conturbação e a perturbação que era lhe causada neste período, transformando-o em um dos assassinos mais conhecidos da história.

Norma ( Vera Farmiga), mãe de Norman (Freddie Highmore) compra o hotel como sinal para uma iniciação de uma nova vida. Isso é rapidamente explicado o porque da mudança com a cena onde Norman encontra o corpo de seu pai no chão da garagem com uma prateleira sobre o corpo dele já morto. Cena que segue um pouco de suspense por você diferenciar muito a reação do filho em lágrimas com a da mãe em certa serenidade e pena. 

Logo que chegam Keith Summers (W. Earl Brown), os intimida pois era dono do hotel, antes utilizado para fins ilegais, e é onde todo o primeiro grande trama da série se inicia. 

E para este primeiro arco eu dou cinco de cinco estrelas, porque cada acontecimento, cada encontro de personagem um com o outro se encaixam de uma forma que você, ou eu no caso, sobe na cadeira e fica falando alto "Nossa, não faz isso!", ou "Sai daí, se não ele vai te achar!", além de você cobrir a boca para não fazer barulho, enfim... Este primeiro arco me prendeu de uma forma que eu não esperava realmente. Já o segundo...

O segundo arco, que se inicia por volta do episódio 6, eu dou três estrelas de neon de letreiro de hotel. Não dizendo que é ruim, mas não é como os primeiros episódios, e todos aqui sabemos como as séries são. Começam lá no alto e não caindo. 

Os Personagens: A construção de cada personagem é muito boa na minha opinião, principalmente por construir cada um de acordo com a importância tem você conhecer ele o suficiente, porque cada um deles você tem um tempo certo para descobrir certas coisas sobre quem realmente são e qual o passado de cada um. 

Considerações: Vou terminar o post porque já acho que ficou comprido demais, e vou deixar as ultimas impressões que tive sobre a série e se recomendo ou não ela seguido de uma nota.

O tema da série é suspense e não terror, o que as pessoas costumam confundir muito, e o que é perdoável também. Também por diversas vezes eu senti que a série também se utiliza de alguns trejeitos, ou estilos que foram utilizados no filme "O Iluminado", do Kubrick o que me fez gostar mais ainda da série. A fotografia é ótima, senti falta de uma trilha sonora mais marcante, o roteiro até a primeira metade é perfeito, o romance retratado na série é daqueles que te fazem dizer, "Meu, como você não gosta dela? Ela é perfeita e você correndo atrás daquela 'vaca'" E vaca para não dizer outra coisa. O figurino é interessante, mas não passa disso, e os cenários me pareceram ser bem cuidados e pensados, o que é muito bom

Ou seja. Assista sim esta série, aproveite que a Universal está naquela fase de ficar reprisando os episódios em sequencia, cada episódio tem uma hora de duração, e caso não tenha visto nem Psicose e nem O Iluminado recomendo demais que assista. 

Por enquanto é isso, espero que tenha gostado, principalmente de minha volta, sugira um tema, comente aqui em baixo o que achou, se já assistiu, se não, se acabou se interessando, e espere que eu responderei você o mais rápido que eu puder, e até a próxima. :3




0 Psiu's Comentados Comments ([#]):

Postar um comentário

Me conta o que você achou, ou então o que não achou... E se gostou ou não! ;) Adoro sua opinião!

Posts Relacionados

 
COPYRIGHT © NOVEMBRO 2014 Silêncio Que Eu To Lendo...
LAYOUT DESENVOLVIDO POR JÉSSICA GUEDES | ILUSTRAÇÕES POR JULIANA RABELO.